domingo, maio 12, 2013

Projeto AutoAjuda versão 2.0, e a questão do foco

Vocês devem ter notado que ando ausente daqui - quer dizer, se é que alguém notou alguma coisa, já que quando a gente para de atualizar nossos canais, as pessoas também vão se ausentando. Tou por aqui, sim. E pensando um bocado sobre esse projeto.

* * *

De início, minha ideia era tentar descobrir se a autoajuda funcionava. Pra quem? Como assim? Força do pensamento faz alguma coisa? É místico e esotérico? É o universo se movendo? Ou a 'força criadora da nossa realidade' tem mais a ver com nossa própria vontade de realizar coisas, mudar aspectos da nossa vida, e nossa dedicação pra que nossos sonhos se realizem? Aposto nessa segunda hipótese, mas não descarto a primeira. VAI QUE, né? Quem sabe o universo conspirando a nosso favor não é tão somente as pessoas reagindo à nossa atitude positiva? Hein? Quem sabe?

* * *

Desde que comecei o ProjetoAutoajuda, algumas coisas mudaram. Sabe o upgrade de salário que eu queria? Consegui. Sabe os 4 quilinhos que me incomodavam um pouco? Perdi. Sabe o hábito de fazer uma atividade física regular? Consegui. Sabe a tristeza profunda e vontade de jogar tudo pro alto por causa de transtorno de personalidade alheio? Estudei, entendi e contornei. E ainda tem gente me chamando de diva porque canto numa banda de jazz e, modéstia à parte, sei parecer muito elegante. Por tudo isso, agradeço!!! Nossa! E como! Mas e agora? Pra que autoajuda?

* * *

Porque esse universo é fascinante. Porque eu consegui tudo o que eu queria, então porque não querer mais? Por que não continuar pesquisando, estudando, e estabelecendo novas metas e patamares de qualidade de vida? Porque não ir além e falar com quem faz, com quem estuda, com quem se auto-ajudou, com quem também se dedica a motivar pessoas a correr atrás de seus sonhos?

Essa é uma nova fase deste site. Até agora, eu tava só sondando. Agora é hora de fazer algo com todo esse material, todos esses livros e todas essas newsletters, com todo esse conhecimento acumulado. Então vamos lá: vou fazer uma nova listinha com o que eu quero pro próximo período.

* * *

O Cheferson e com a Paula, pessoas incríveis que estão aí MOTIVANDO gente de maneiras muito distintas, mas com pontos em comum, foram extremamente perspicazes e direto ao ponto. Vou falar um pouco mais sobre esse assunto e sobre os trabalhos dos dois, mas basicamente, preciso voltar à lição 1: lá atrás, no dia 27, bati na tecla do FOCO. O foco voltado para a produtividade é mais uma das minhas conquistas dos últimos tempos, mas AINDA é uma questão a ser resolvida.

Bem, o foco agora é resolver meu problema de foco.

Você também tem problema de foco?

Então vem comigo.


2 comentários:

Unknown disse...

Oi Lia!
Fui no psi pra que ele me liberasse uma ritalina já que não consigo me focar e tenho MUITA coisa pra fazer.
Ele, gentilmente, me colocou no Programa de Redução e Controle de Estresse- PRCE
ou MBSR Mindfulness-based Stress Reduction, que trabalha com Yoga e Meditação junto a Sociedade Vipassana de Meditação.
Isso é baseado no Programa do Dr. Jon Kabat-Zinn, do Centro Médico da Universidade de Massachussetts.
Comecei agora mas ainda não consegui fazer as paradas direito.
Só sei que me senti um pouco melhor hoje depois de levar umas porradas no Muay Thai.
Beijos
Carmen

Lia disse...

Putz, que barato. Meu problema de foco não chega a ser déficit de atenção, já que consigo fazer minhas tarefas diárias e estabelecer métodos para não esquecer das coisas. É que o mundo anda favorecendo a dispersão, né? Acho que meu problema é de outra ordem mesmo, de querer abraçar o mundo fazendo tudo ao mesmo tempo - e, obviamente, não dá.

Belas dicas. Meu marido é diagnosticado com TDAH. A terapeuta dele já tinha sugerido que ele fizesse ioga. Vou procurar saber mais. :)

Beijos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...